terça-feira, 17 de julho de 2012

"Chuva, chuvisco, chuvarada, pq que chove tanto assim?' Cocoricó.

O céu está decidido a molhar as coisas, passa o dia a chover e parar, chover e parar, e nesses intervalos de chuva sai o sol pra dar uma voltinha, esquenta um pouquinho, consola, e vai embora de novo. Ontem o dia inteiro foi assim, e fui dormir desejando um dia de sol pra hj. Mas o céu sempre sabe mais, ele vê tudo, em todo lugar. E amanheceu chovendo.

Fiquei olhando a chuva, com a testa encostada nas grades da porta da sala. A Ada, em pé escostada na porta, com o olhar mais melancólico do mundo, como quem deseja com a alma alguma coisa, ela desejava estar alí fora na grama, na chuva mesmo. Ada não podia ir pra chuva, ela é muito peluda, ficaria mto suja, molharia tudo dentro de casa depois que entrasse. Mas eu não, eu podia ir.


Me arrumei pra caminhar, abri o guarda-chuva e Bom dia dia!! Fui até a cachoeira, mas dessa vez decidi seguir a margem do rio. As árvores são altas, mtos cipós e trabalhos de macumba. Se Macumba for um nome perjorativo me perdoem, eu não estudei nada sobre isso, não sei nome melhor. Mata adentro, em meio a um emaranhado de cipós e folhas, amontoados no chão estavam vários vasos de cerâmica, com coisas esquisitas dentro que eu não consegui identificar, pareciam figos boiando na água, não eram, pareciam...sabe-se lá o que eram. Numa espécie de taça de cerâmica, boiavam na água uma fita de cetim e uma chupeta azul.

Continuei andando na beira do rio, por entre as pedras, parei em pé sobre uma grande pedra coberta de lodo, logo à curva do rio. As quedas d'água faziam um barulho forte, impunham mto poder, e as árvores ao redor se curvavam. Tudo mto lindo, mto grande, perigoso, me senti com medo e resolvi voltar pra estrada. Amanha tirarei fotos do lugar, colocarei no face book.

Choveu, choveu e choveu em cima da minha caminhada matinal, as árvores ouviam silenciosas o barulho da chuva, um dia sem vento, as árvores estavam sem frio, tomavam banho, felizes.

Cuidei de minhas Orquídeas, plantei Bromélias...

Felicidades.

Ps. Ada Nada hoje tomou banho, Milena sua tia, a ajudou hehehe.

Um comentário:

  1. Que passeio gostoso! Quando eu for no fim do ano gostaria de fazer uma caminhada matinal com você :)Embora eu saiba da sua preferência pelas flores...

    ResponderExcluir